Viva! A terra

CANAL NO YOUTUBE

QUESTIONANDO A FORMA DO CAPITAL

Vivemos em um mundo, onde viver para produzir na cidade, e para o capital é hipervalorizado, muitas vezes é mostrada como a única coisa opção de vida. Questionando sobre uma forma de mostrar que felicidade não se alcança somente trabalhando de segunda a sexta 8h por dia. Alias, o que é felicidade?

O mundo é muito mais do que somos doutrinados a achar que é. Viva! A terra nasceu com o objetivo de mostrar como é a vida das pessoas e famílias que acham seu sustento na natureza e vivem em harmonia com a mesma.

Outro ponto importante é recordar que viemos da terra, e devemos respeitá-la em primeiro lugar. Infelizmente o homem têm mudado o ecossistema e as consequências na natureza serão cada vez mais catastróficas. Nos resta criar uma consciência e lutar para preservar lugares tão belos que ainda existem.

Bela e essencial para a microeconomia de muitos lugares, procuro retratar a natureza como ela é. O primeiro episódio de Viva! A terra foi gravado em Ubatuba- SP, Brasil, e conta a história da família Oliveira.

Ozora, um pedaço do paraíso no interior da Húngria

Por Maria Fernanda Romero

FESTIVAL DE CULTURA ALTERNATIVAS

Um festival de Culturas Alternativas acontece todo ano na cidade de Dádpuszta na Húngria. O Ozora foi meu primeiro festival fora do Brasil, e eu fiquei totalmente chocada com os pequenos detalhes.

festival de cultura alternativas na europa
Relaxando no festival
festival  de cultura alternativas na europa
Natureza no festival
festival  de cultura alternativas na europa
Natureza no festival
festival  de cultura alternativas na europa
van psicodelica verde festival  de cultura alternativas na europa
van psicodelica
LINE UP do festival  de cultura alternativas na europa
Line Up
chill out festival  de cultura alternativas na europa
Chill out
quadros coloridos no festival de cultura alternativas ozora na Hungria
arte no festival

EXPERIÊNCIA

Ao chegar, além da pulseira da festa, os viajantes ganham um saco de lixo e uma bituqueira. A preocupação com o meio ambiente é muito grande na Europa, e em um festival como esse não seria diferente. Não havia lixo no chão, diversas lixeiras estavam espalhadas pelo espaço, inclusive lixeiras de coleta seletiva- para separar metal, papel, plástico e lixo orgânico.

A decoração impecável estava sempre em harmonia com a geometria sagrada. A preocupação também ia além da estética: vários espaços com sombra foram montados para as pessoas se protegerem do sol. Lá faz um sol fortíssimo, a poeira e o clima seco pedem muita sombra e água fresca. O que lá, é de graça. Centenas de torneiras com água potável estão espalhadas pelo festival.

chill out psicodelico durante a noite do festival de culturas alternativas ozora
Chill out noturno
Main floor noturno no festival de culturas alternativas
Main floor
fogo durante a noite
Ritual na fogueira
Main floor durante a noite
Main floor
main floor festival  de cultura alternativas na europa
Main floor
decoração do festival de cultura alternativas ozora
Decoração

ARTE

Outra coisa que me chamou atenção foi o nível de qualidade dos workshops da festa. Em uma casa, artistas incríveis compartilhavam um pouco do seu conhecimento com o público. Workshop de cerâmica, tie dye, filtro dos sonhos, roupa reciclável, trabalho em couro- as opções eram infinitas.

workshop durante festival de cultura alternativas na europa
Workshops
workshop durante festival  de cultura alternativas na europa
Workshop
workshop durante festival  de cultura alternativas na europa
Workshop
workshop durante festival  de cultura alternativas na europa
Workshop
workshop durante festival  de cultura alternativas na europa
Fogo do conhecimento
cozinha comunitaria no festival de culturas alternativas
O problema da fome não é a falta de comida, e sim, a má distribuição dela

A arte estava por todos os lados, em uma espécie de exposição-piramide era possível entrar na psicodelia da arte e apreciar a vista de cima da pista principal do Ozora. Viver o Ozora para mim foi muito especial, foi viver um mundo paralelo, uma sociedade tão linda e tão viva.

quadro duas pessoas fumando uma flauta
Arte no Ozora
IMG_7097

Dica: Se for ao Ozora, vá ao labirinto.

labirinto festival de cultura alternativas
Labirinto