Lagoinha do Leste

Por Maria Fernanda Romero

A melhor trilha de Florianópolis

Escrevi em outra postagem sobre algumas das INÚMERAS trilhas que existem em Florianópolis e prometi falar sobre a Lagoinha do Leste. Já tinha ouvido falar algumas vezes, que era o melhor lugar da Ilha. É difícil classificar o que é melhor em um lugar que me surpreende todos os dias. Mar, cachoeira, esporte, cultura, parques… são tantas coisas, que não é possível escolher só uma, mas com certeza, a Lagoinha do Leste é um dos melhores lugares.

COMO CHEGAR NA LAGOINHA DO LESTE

LAGOINHA DO LESTE ME FLORIANOPOLIS
Lagoinha do Leste

A praia é a mais isolada e conservada da ilha e não possuí construções, com exceção das ruínas da casa do seu Tibúrcio. A lenda diz que o casebre é feito de argila amarela retirada das margens da Lagoinha e garrafas que ele recolheu na região.

Para chegar lá existe uma trilha que saí da praia do Pântano do Sul e outra do Matadeiro. Ambas são difíceis e possuem subidas complicadas, mas a primeira opção é a mais curta. A ida é mais fácil, dura cerca de 50 minutos.

Acordamos às 5h para conseguirmos fazer a trilha com o nascer do sol. A paisagem é maravilhosa e outra vantagem do horário é não pegar o sol tão forte. A praia é imensa, o mar azul e a vegetação praticamente intocada.

Na costa esquerda da praia tem o Morro da Corroa, onde é possível fazer outra trilha e ter uma bela vista da praia e da lagoa. O local ganha esse nome, pois suas pedras lembram a uma corroa. A fauna também é extremamente preservada, e animais exóticos como lagartos são encontrados.

sol nascendo no morro das pedras em florianopolis
Amanhecer no Morro das Pedras
trilha em florianopolis a Lagoinha do Leste.
Lagoinha do Leste

Andando para a direita a lagoinha. A água doce que desce dos morros, deságuam em uma pequena enseada, onde se misturam com a água do mar, formando a lagoinha de água salobra, que dá o nome à praia.

Trilha, lagoa e mar, uma vista maravilhosa….além de muita magia!

Anúncios

Autor: culturanavegavel

Jornalista de formação, escritora de alma. Comecei um mochilão por curiosidade e encontrei várias formas de viver e aprender. Hoje levo uma vida nômade, viajando por onde meu coração vibra. instagram: @culturanavegavel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s